O Que Mudou na Nova Composição do Ibovespa

Por |2020-08-12T17:24:40-03:0013 de setembro de 2013|

O Ibovespa é o mais importante entre todos os índices da bolsa de valores, e desde sua criação em  1968, sua composição nunca havia sido alterada. Até agora!

Mudanças sempre foram discutidas no mercado, porém somente agora que as aberrações da metodologia original ficaram evidentes é que as novas regras entrarão em vigor.

Entenda porque essas alterações serão feitas e como elas podem afetar seus investimentos.

Como era até agora

Com as regras originais a composição do Ibovespa era escolhida segundo alguns critérios de volume de negociação.

As ações que fariam parte do índice precisavam compor juntas pelo menos 80% do volume negociado na bolsa de valores, além de terem sido negociadas em mais de 80% dos pregões do últimos 12 meses.

Embora isso possa fazer sentido no momento de selecionar quais as ações que devem entrar no cálculo do índice, determinar a importância pelo volume de negociação acaba criando algumas situação estranhas, como por exemplo:

  • Ambev (AMBV3): atualmente é a empresa mais valiosa do Brasil e não está nem entre as 5 empresas mais representativas no Ibovespa.
  • OGX (OGXP3): está quase sem valor nenhum (já perdeu 91% este ano), é a 4a empresa mais significativa, com mais de 4% de participação no índice bovespa.

Outro ponto que pede a mudança é o fim da época em que nossa bolsa de valores era somente VALE (VALE5 com mais 8% no Ibovespa) e Petrobras (PETR4 com mais de 7% no Ibovespa). Estas duas empresas não estão em uma fase boa e seu desempenho não é parâmetro para avaliar o desempenho de toda a bolsa de valores do Brasil.

Resultando em um índice que não reflete a realidade da bolsa de valores brasileira.

Como fica a nova composição

Com a nova maneira de cálculo, será dado maior importância ao valor de mercado das ações em negociação de cada empresas (capitalização na bolsa), ao invés de somente o volume negociado.

Isso faz mais sentido, uma vez que uma empresa muito negociada não necessariamente é a empresa mais representativa da bolsa. A OGX por exemplo, foi muito negociada, mas porque havia muita especulação sobre suas ações e não porque era uma empresa sólida e significativa.

Outra mudança importante é excluir as ações que o valor esteja inferior a R$ 1, já que qualquer variação nestes papeis implica em uma oscilação % muito grande.

Ainda no novo índice Bovespa, empresas como a Ambev serão muito mais significativas e novas empresas devem ser incluídas.

Esta nova composição apesar de já estar definida ainda não entrou em vigor. Para suavizar os movimentos e impactos que isso pode ter, a Bovespa optou por fazer o rebalanceamento do Ibovespa em duas etapas:

  1. Entre janeiro e abril de 2014: será uma média entre o cálculo atual e o novo cálculo
  2. A partir de maio de 2014: será 100% o novo cálculo

O que esperar desta mudança

Ok, o Ibovespa mudou, mas o que tudo isso tem haver comigo?

Para o nosso amigo Eike, o que que estava ruim ficou pior. Agora nem no Ibovespa suas ações vão estar mais… Mas, para você as coisas vão ficar melhor:

Para começo de conversa a alteração do cálculo também vai afetar os movimentos feitos pelo Ibovespa. É possível que com a composição atual o índice Bovespa termine um dia em baixa, enquanto que com a nova fórmula seria um dia de alta, ou vice versa.

A volatilidade do índice também será afetada para menos. Como vimos, empresas especulativas e voláteis como a OGX terão o peso bastante reduzido, enquanto empresas maiores e mais sólidas serão mais relevantes.

Em outras palavras, ao invés de termos variações médias de +2% ou -2% (por exemplo) podemos agora ter variações médias de +1,0% ou -1,0%, por exemplo.

Com a mudança o Ibovespa fica também mais parecido com o que é feito em índices de outros países, como os Índices Dow Jones por exemplo. Que agrupam as maiores empresas da bolsa de valores americana.

Em termos gerais, a mudança do Ibovespa é saudável e já deveria ter ocorrido há algum tempo, mas antes tarde do que nunca!

Você pode sempre acompanhar os movimentos do índice Bovespa em nossa plataforma de gráficos da Bovespa!

Lorem ipsum dolor sit amet

Lorem ipsum dolor sit amet