Gráficos com Análise Técnica Grátis!  Agora o Bússola do Investidor tem gráficos Interativos com Cotações em Tempo Real.   Acesse já!

   Adicionar aos favoritos      RSS                           Novo por aqui? Cadastre-se ou faça seu login. 
 
Cadastre-se | Faça seu login | Planos
ARTIGOS

Procon: dicas para comprar imóvel usado


Por Último Instante em quinta-feira, 17 de maio de 2012 - 14:07
Envie por email  Imprima  RSS Feed RSS

17 de maio de 2012 - A decisão de comprar um imóvel requer planejamento e cuidados para fazer a escolha certa, considerando não só a questão financeira, mas de características gerais da nova aquisição.

E, para aqueles que optam por comprar um imóvel usado, o Procon-SP dá dicas para que não haja arrependimentos após o final da operação.

Segundo o instituto, o primeiro passo é analisar a oferta, observando a infraestrutura onde ele está localizado e se tem proximidade com os serviços básicos, como supermercado e farmácia. A segurança dos arredores também deve ser analisada, como presença de terrenos baldios em volta e iluminação da rua.

Parte da análise consiste em verificar as condições internas do imóvel, para conferir se encanamento, iluminação e conservação da propriedade apresentam algum problema ou desgaste.

Para não assustar o bolso, o comprador deve se certificar de que a renda familiar é compatível com os gastos fixos da moradia. Além disso, o gasto para a compra do imóvel em prestações não deve ser superior a 30% do orçamento familiar.

O Procon também alerta para a documentação necessária para realizar a aquisição. Dentre eles, são necessários: certidão vintenária com negativa de ônus atualizada, que é fornecido pelo Cartório de Registro de Imóveis, informando os últimos 20 anos do imóvel; certidões negativas dos cartórios de protesto da cidade onde o proprietário reside, além do documento sobre o débito de IPTU.

No momento de assinar o contrato, o comprador deve ler atentamente as partes definidas, que deve conter os dados do proprietário, o do adquirente, a descrição e o valor total do imóvel, a forma e o local de pagamento, além das penalidades em caso de atraso de pagamento, valor do sinal antecipado e a própria data da assinatura.

A instituição também informou que, o documento deve trazer o índice e a periodicidade de reajustes, que deve ser anual caso o financiamento seja menor que 36 meses e mensal em contratos mais longos.

Também deve conter no contrato as condições previstas em caso de rescisão.

O comprador ainda deve solicitar o registro do contrato no Cartório Imobiliário competente e, caso o pagamento seja efetuado à vista, a lavratura da escritura definitiva deve ser solicitada.

Em caso de financiamento, o Procon aconselha que seja verificado se há linhas de financiamento abertas e se há cláusula de recisão do contrato.

(Redação - www.ultimoinstante.com.br)


Este relatório ou artigo não representa necessariamente a opinião do site, tem como único propósito fornecer informações e no constitui ou deve ser interpretado como uma oferta ou solicitação de compra ou venda de qualquer instrumento financeiro. O Bússola do Investidor nem o autor do artigo no declaram ou garantem, de forma expressa ou implícita, a integridade, confiabilidade ou exatidão de tais informações. Este artigo se baseia em informações públicas sobre cujas veracidade e qualidade não temos responsabilidade.
 
Fornecido por


Mais Lidas
Enquete
 
  
Mercados  |  Empresas  |  Corretoras  |  Calculadora de IR  |  Fórum  |  Central de Ajuda  |  Contato
Siga-nos:     


Copyright © 2007-2014 Bússola do Investidor.
Ao utilizar o site, você concorda com os Termos de Uso.
Cotações Bovespa com 15 minutos de atraso. Clique aqui para ver cotações em tempo real em todo o site.
Todas as opiniões aqui exibidas são de responsabilidade de seus próprios autores e poderão ser retiradas a qualquer momento sem aviso prévio.
Apesar de todo o cuidado na coleta dos dados apresentados, não nos responsabilizamos pela exatidão das informações contidas neste site.
 
IP-0A9AC736 10.154.199.54- 30/10/2014 15:26:58