Gráficos com Análise Técnica Grátis!  Agora o Bússola do Investidor tem gráficos Interativos com Cotações em Tempo Real.   Acesse já!

   Adicionar aos favoritos      RSS                           Novo por aqui? Cadastre-se ou faça seu login. 
 
Cadastre-se | Faça seu login | Planos
ARTIGOS

G20 anuncia compromisso de US$ 430 bilhões adicionais com o FMI


Por Último Instante em sexta-feira, 20 de abril de 2012 - 18:11
Envie por email  Imprima  RSS Feed RSS

20 de abril de 2012 - O Grupo dos Vinte (G20, bloco que reúne os países ricos e os principais emergentes) anunciou nesta sexta-feira um compromisso para elevar os recursos do Fundo Monetário Internacional (FMI) em US$ 430 bilhões para fortalecer a estabilidade financeira internacional.

No comunicado final da reunião ministerial, presidida pelo secretário de Finanças do México, José Antonio Meade, assinalou que os novos fundos são uma mostra do compromisso da comunidade internacional para proteger a estabilidade financeira global e situar a recuperação econômica em um plano mais seguro.

Entre os países que anunciaram seu respaldo estão Brasil, China e Rússia, que concretizarão o montante exato em seu devido tempo, o que poderia aumentar o valor do compromisso.

A diretora-gerente do FMI, Christine Lagarde, qualificou em entrevista coletiva os novos recursos como um guarda-chuva global e um instrumento-chave para impulsionar o crescimento, a consolidação fiscal e seguir trabalhando em reformas estruturais.

Estes fundos adicionais serão utilizados sabiamente, acrescentou Lagarde, e estarão disponíveis para a totalidade dos membros e não para uma região determinada.

Além disso, o comunicado do G20 destacou as decisões tomadas pelas autoridades europeias para fortalecer as medidas de austeridade europeias como parte de amplos esforços e a injeção de liquidez do Banco Central Europeu (BCE).

Com estas contribuições adicionais, que começaram nesta semana com o compromisso por parte do Japão, se supera a meta dos US$ 400 bilhões estabelecida pela própria Lagarde.

A diretora-gerente do FMI reduziu na semana passada o montante necessário para constituir este círculo de proteção internacional dos US$ 500 bilhões calculados no início de ano para US$ 400 bilhões perante os tímidos sinais de recuperação global.

(Redação com EFE - www.ultimoinstante.com.br)


Este relatório ou artigo não representa necessariamente a opinião do site, tem como único propósito fornecer informações e no constitui ou deve ser interpretado como uma oferta ou solicitação de compra ou venda de qualquer instrumento financeiro. O Bússola do Investidor nem o autor do artigo no declaram ou garantem, de forma expressa ou implícita, a integridade, confiabilidade ou exatidão de tais informações. Este artigo se baseia em informações públicas sobre cujas veracidade e qualidade não temos responsabilidade.
 
Fornecido por


Mais Lidas
Enquete
 
  
Mercados  |  Empresas  |  Corretoras  |  Calculadora de IR  |  Fórum  |  Central de Ajuda  |  Contato
Siga-nos:     


Copyright © 2007-2014 Bússola do Investidor.
Ao utilizar o site, você concorda com os Termos de Uso.
Cotações Bovespa com 15 minutos de atraso. Clique aqui para ver cotações em tempo real em todo o site.
Todas as opiniões aqui exibidas são de responsabilidade de seus próprios autores e poderão ser retiradas a qualquer momento sem aviso prévio.
Apesar de todo o cuidado na coleta dos dados apresentados, não nos responsabilizamos pela exatidão das informações contidas neste site.
 
IP-0A9AC736 10.154.199.54- 20/09/2014 08:57:17