Gráficos com Análise Técnica Grátis!  Agora o Bússola do Investidor tem gráficos Interativos com Cotações em Tempo Real.   Acesse já!

   Adicionar aos favoritos      RSS                           Novo por aqui? Cadastre-se ou faça seu login. 
 
Cadastre-se | Faça seu login | Planos
ARTIGOS

Empresários vão apoiar plano de rodovias e ferrovias


Por Enfoque em quarta-feira, 15 de agosto de 2012 - 15:35
Envie por email  Imprima  RSS Feed RSS

O presidente da Associação Brasileira da Infraestrutura e das Indústrias de Base (Abdib), Paulo Godoy, a iniciativa privada vai corresponder ao Programa de Investimentos em Logística, anunciado hoje (15) pelo governo federal. Apesar de considerar o programa como ousado, Godoy o classifica, também, como factível.

O plano é factível, mesmo porque a iniciativa privada nunca deixou de corresponder ao chamamento do governo nos casos de concessões. É isso o que vai acontecer. Tendo regras claras, segurança jurídica e rentabilidade adequada, haverá empresas que vão se responsabilizar [por ele] e financiadores, disse o presidente da Abdib.

Na avaliação de Godoy, o governo deu sinal claro [aos empresários] de que haverá uma ampliação do modelo de concessão. Com isso, vamos completar um ciclo muito importante na área de transporte para ver se, em cinco anos, melhoramos a competitividade da economia e diminuímos o custo da logística. Acho que em cinco ou seis anos já vamos sentir melhorias na competitividade da economia brasileira.

Desconsiderando a área de petróleo e gás, estima-se que o Brasil precise investir nos próximos cinco anos apenas em infraestrutura de transporte o equivalente a 4% do Produto Interno Bruto (PIB) ao ano, para atingir o patamar do Chile, conforme Godoy. Se atingirmos 6%, chegaremos ao patamar da China.

Apesar da crise financeira internacional, o empresário acredita que o plano poderá ser beneficiado com investimento externo. A única alavanca que deveremos ter [do exterior] será na emissão de debêntures de infraestrutura. Vamos procurar vender para investidores externos. Vai ser a maior contribuição que o setor de crédito internacional dará ao programa. Debênture é um título de crédito representativo de empréstimo que uma companhia faz com terceiros.


(por Gabriel Codas)
 


Este relatório ou artigo não representa necessariamente a opinião do site, tem como único propósito fornecer informações e no constitui ou deve ser interpretado como uma oferta ou solicitação de compra ou venda de qualquer instrumento financeiro. O Bússola do Investidor nem o autor do artigo no declaram ou garantem, de forma expressa ou implícita, a integridade, confiabilidade ou exatidão de tais informações. Este artigo se baseia em informações públicas sobre cujas veracidade e qualidade não temos responsabilidade.
 
Fornecido por


Mais Lidas
Enquete
 
  
Mercados  |  Empresas  |  Corretoras  |  Calculadora de IR  |  Fórum  |  Central de Ajuda  |  Contato
Siga-nos:     


Copyright © 2007-2014 Bússola do Investidor.
Ao utilizar o site, você concorda com os Termos de Uso.
Cotações Bovespa com 15 minutos de atraso. Clique aqui para ver cotações em tempo real em todo o site.
Todas as opiniões aqui exibidas são de responsabilidade de seus próprios autores e poderão ser retiradas a qualquer momento sem aviso prévio.
Apesar de todo o cuidado na coleta dos dados apresentados, não nos responsabilizamos pela exatidão das informações contidas neste site.
 
IP-0A9AC736 10.154.199.54- 30/07/2014 18:13:48