Gráficos com Análise Técnica Grátis!  Agora o Bússola do Investidor tem gráficos Interativos com Cotações em Tempo Real.   Acesse já!

   Adicionar aos favoritos      RSS                           Novo por aqui? Cadastre-se ou faça seu login. 
 
Cadastre-se | Faça seu login | Planos
ARTIGOS

DIs fecham em forte queda à espera de corte na Selic


Por Último Instante em terça-feira, 29 de maio de 2012 - 16:54
Envie por email  Imprima  RSS Feed RSS

29 de maio de 2012 - Às vésperas do último dia de reuniões do Comitê de Política Monetária (Copom), os Contratos de Depósito Interfinanceiro (DIs) encerraram a jornada desta terça-feira em queda na BM&F, precificando mais uma redução na taxa básica de juros.

Perto do fechamento, os contratos para junho de 2012 recuavam 0,06 p.p a 8,64%; os vencimentos para janeiro de 2013 perdiam 0,11 p.p a 7,96%; os contratos para janeiro de 2014 caíam 0,16 p.p a 8,35%; os vencimentos para janeiro de 2017 tinha queda de 0,14 p.p a 9,55% e os contratos para janeiro de 2021 desvalorizavam 0,14 p.p a 10,10%.

Além da expectativa com a nota taxa básica de juros, o fraco desempenho dos indicadores econômicos nesta jornada influenciaram o fechamento da curva, explicou o economista da SulAmérica Investimentos, Newton Rosa.

De acordo com ele, o recuo na atividade da indústria, medido pela Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) e da venda de supermercados, apurado pela Associação Brasileira dos Supermercados (Abras) alimentam um pouco uma disputa para um corte na taxa Selic superior a 0,50 p.p.

Por aqui, a atividade da indústria paulista de abriu caiu 0,3% ante o mês diretamente anterior, de acordo com o Indicador de Nível de Atividade (INA), da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp).

Sem ajuste sazonal, o indicador caiu 5,2% no comparativo mensal e recuou 5,1% ante o ano anterior.

As vendas dos supermercados brasileiros recuaram 2% no mês de abril na comparação com março, segundo dados divulgados hoje pela Associação Brasileira de Supermercados (Abras). Apesar da queda no comparativo mensal, se considerado o acumulado do ano, foram comercializadas 6,08% mais mercadorias do que em igual período de 2011.  Na comparação com abril do ano passado, houve alta de 0,19%.

De acordo com a Abras, a queda nas vendas no quarto mês do ano se deve principalmente ao comércio decorrente do feriado de Páscoa. A data foi comemorada no início do mês, o que fez com que muitas pessoas fizessem as compras ainda em março. Contudo, o presidente da associação, Sussumu Honda, avalia que o desempenho do setor foi positivo. “O resultado continua bastante positivo, reflexo do aumento do poder de compra do brasileiro”, destacou.

Nesta tarde, o Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central (BC) inicia a quarta reunião de 2012 com vistas a ajustar a taxa básica de juros (Selic), que está em 9% ao ano desde a última reunião do colegiado nos dias 17 e 18 de abril.

A Selic tem caído gradativamente em todas as reuniões do Copom, de agosto do ano passada para cá. A maioria dos analistas financeiros aposta em mais uma queda, de meio ponto percentual, a ser anunciada na noite de amanhã, quando terminar a segunda parte da reunião, que ocorre sempre em dois dias, com intervalo médio de 45 dias.

(Rosangela Sousa - www.ultimoinstante.com.br)


Este relatório ou artigo não representa necessariamente a opinião do site, tem como único propósito fornecer informações e no constitui ou deve ser interpretado como uma oferta ou solicitação de compra ou venda de qualquer instrumento financeiro. O Bússola do Investidor nem o autor do artigo no declaram ou garantem, de forma expressa ou implícita, a integridade, confiabilidade ou exatidão de tais informações. Este artigo se baseia em informações públicas sobre cujas veracidade e qualidade não temos responsabilidade.
 
Fornecido por


Mais Lidas
Enquete
 
  
Mercados  |  Empresas  |  Corretoras  |  Calculadora de IR  |  Fórum  |  Central de Ajuda  |  Contato
Siga-nos:     


Copyright © 2007-2014 Bússola do Investidor.
Ao utilizar o site, você concorda com os Termos de Uso.
Cotações Bovespa com 15 minutos de atraso. Clique aqui para ver cotações em tempo real em todo o site.
Todas as opiniões aqui exibidas são de responsabilidade de seus próprios autores e poderão ser retiradas a qualquer momento sem aviso prévio.
Apesar de todo o cuidado na coleta dos dados apresentados, não nos responsabilizamos pela exatidão das informações contidas neste site.
 
IP-0A9AC736 10.154.199.54- 17/04/2014 01:15:45